Como Comprar uma Lixadeira sem Gastar Muito

Aos que desejam comprar lixadeiras sem gastar muito, é importante que compreendam exatamente como funciona cada tipo de lixadeira e como cada uma delas funciona. Desta maneira, abaixo maiores informações sobre como escolher uma lixadeira sem gastar muito!

Entenda como escolher as lixadeiras

Certamente lixar realmente é muito comum em marcenaria, sendo que essa é uma atividade fundamental, além do mais, essa mesma é tão importante quanto cansativo, sendo que em geral as peças acabam sendo grandes.

Lembrando ainda que uma lixadeira elétrica realmente é uma forma de tornar a atividade de lixa ainda mais interessante, sendo que abaixo falaremos um pouco mais sobre como escolher o modelo de acordo com as necessidades do consumidor.

Primeiramente é importante compreender que neste mercado atualmente existem vários modelos disponíveis, sendo que de forma geral uma máquina gira ou ainda vibra, sendo que ainda ajuda na remoção de material.

Ademais, na madeira o mesmo é usado para acabamento ou ainda para remover camada de tinta ou até mesmo de verniz. Além disso, dependendo do modelo e até mesmo da lixa usada realmente é possível trabalhar ainda com diversos materiais, tais como: plásticos, metal, madeira e até mesmo concreto.

Conheça as lixadeiras disponíveis para venda

Lixadeira Orbital (ou treme-treme)

Essa lixadeira realmente funciona através da vibração, sendo que a lixa acaba sendo acoplada em sua base. Essa lixa, não só é pequena como também é fácil de controlar, sendo que ainda existem diversas versões que permitem o uso com apenas uma das mãos, sendo que a mesma remove pouco material por vez, sendo que a mesma em geral acaba sendo mais recomendada para trabalhos de acabamento.

Essa lixa possui algumas vantagens dentre o fato de poder usar lixas mais comuns, sendo que ainda deve produzir menos pó que a lixadeira do modelo de cinta. Sobre essa lixadeira, a mesma não é recomendável para trabalhos mais pesados, isso porque demora demais para terminar peças longas.

Lixadeira de cinta

Sobre essa lixadeira, a mesma funciona justamente através de uma lixa que pode ser usada em formato de cinta, a mesma gira rapidamente com o auxilio de dois tambores. Além disso, esse é um modelo que realmente remove material de maneira bem rápida, por esse motivo essa é a melhor opção para aquelas peças grandes e planas.

Por possuir muita força, realmente não é recomendada para o acabamento final sendo que a mesma pode danificar uma peça a partir dessa etapa, além do mais, ela acaba produzindo muito pó.

Orbital Roto (ou excêntrica)

Sobre essa lixadeira a mesma possui um modelo mais moderno, muito parecido com uma espécie de orbital, sendo que a grande diferença da mesma é que ela usa um padrão aleatório para mover uma lixa, sendo que a mesma praticamente elimina o risco de marcar ou de lixamento no material ao final do trabalho.

Lembrando que a desvantagem é o preço sendo que o mesmo é ainda maior que uma lixa orbital, e o fato de precisar, de uma lixa especifica.

Fatima da Silvera