3 melhores firewalls de código aberto para proteger sua rede

O firewall de código aberto é bastante usado para proteger a rede em relação a ameaças, conseguindo filtrar o tráfego de entrada e saída, garantindo maior proteção da rede.

Quando se fala em código aberto, as pessoas costumam pensar que o software será oferecido de maneira gratuita. Porém, o código-fonte aberto é usado para indicar que o software é distribuído com uma licença que permite que o usuário use o código-fonte.

Basicamente, é um tipo de licença que permite apenas que as pessoas olhem e modifiquem o software independentemente. Além disso, ter um código aberto permite que haja a colaboração entre os usuários, com um desenvolvimento mais rápido e com uma variação de ferramentas. 

O firewall pfsense, por exemplo, de código aberto costuma pertencer a uma comunidade, por isso, o desenvolvimento e atualização podem depender principalmente deles. Porém, o fato é que isso permite muito mais confiança da continuidade do programa. 

A diferença entre os tipos de firewall é que alguns atuam como um muro entre as redes internas e as externas. Normalmente, o firewall deve ativar um aplicativo ou um sistema que seja desenvolvido para bloquear ou permitir esse tipo de acesso as informações. 

1 – PfSense

Ele é um dos firewall de código aberto, sendo apresentado com diversos recursos adicionais que valem muito a pena. Permite que haja um antivírus e também filtragem da web.

Com isso, há também diversos complementos externos que existem para facilitar a instalação em vez de um gerenciador de pacotes. 

Ele é baseado no FreeBSD funcionando com um kernel personalizado que pode ser instalado no próprio hardware mesmo ou em alguma máquina virtual com a imagem do CD (.iso). Também com USB ou com a imagem incorporada. Além disso, se quiser, também pode ser comprado para ser pré-carregado diretamente no hardware.

Em relação ao suporto e serviços, eles apresentam um valor a ser pago por ano. Para isso, é possível receber recursos com uma biblioteca de vídeos dos desenvolvedores, além de um livro digital e também a realização de backups automáticos. 

2 – Untangle firewall

Untangle também é um firewall que tem código aberto, funcionando bem parecido com o ClearOS, sendo baseado no Debian. Suas funções básicas são fornecidas com um aplicativo gratuito, mas também conta com um pago que apresenta funcionalidades adicionais e funções que são gerenciadas através da web. 

Basicamente, ele pode ser instalado em um sistema de firewall em uma máquina virtual ou em qualquer hadrware. Conta com diversos recursos que apresentados no seu software pago. 

Principais recursos do Untangle Firewall: 

  • Spam Blocker Lite
  • Bloqueador de phishing
  • Bloqueador de vírus
  • OpenVPN
  • Prevenção de intrusões
  • Bloqueador de anúncios
  • Portal restrito
  • Monitoramento da Web

3 – Firewall do OPNsense

O OPNsense também é um firewall de código aberto que é bem completo. Sendo baseado no FReeBSD e que também é dominado pelo software que foi desenvolvido pela Deciso. Há ainda uma empresa que fabrica e vende diferentes pacotes de suporte para eles. É bem similar ao PfSense.

Fatima da Silvera

Your Turn To Talk

Leave a reply:

Your email address will not be published.